O Carnaval 2020 em Belo Horizonte continua a todo vapor. Nesta segunda-feira (24), pelo menos 48 blocos de rua prometem movimentar todas as regiões da cidade. Entre os cortejos, destaque para o axé com os blocos Baianas Ozadas e Havayanas Usadas; rock anos 80 com Putz Grilla e o deboche com funk e marchinha da Corte Devassa.

Para aqueles que gostam de começar cedo o Carnaval, a dica é ir ao Bloquinho, na rua Oeste, no Calafate (região Oeste). Por lá, toda a família é esperada para brincar. Aliás, alguns integrantes da bateria são... crianças. Os pets também são bem-vindos. A concentração começa às 9h30.

Um pouco mais tarde, às 11h, uma pancada carnavalesca: considerado o maior bloco da folia belo-horizontina, o Baianas Ozadas levou cerca de 500 mil pessoas para a rua em 2019, segundo apuração do próprio bloco. A concentração é na Afonso Pena, no Centro, e o axé retrô embala a festa. Porém, prepare-se: o bloco é, realmente, imenso de lotado.

À tarde, a proposta bacana do dia é curtir a diversidade musical do Seu Vizinho, com espaço para crianças, adultos, idosos e público LBGT. O bloco foi o primeiro criado dentro de uma favela de BH. Então, anota aí: a partir das 13h, na avenida Mem de Sá, no Fazendinha, no bairro Santa Efigênia (região Leste).

Clique aqui e veja a programação completa do dia.

Nos palcos oficiais, músicos e DJ's tomam conta da Praça da Estação, das 16h às 22h, com diversas apresentações. No mesmo estilo, ocorrem shows na av. Deputado Álvaro Antônio, no Barreiro, das 14h às 20h. Na Lagoinha (rua Itapecerica, 911), o destaque é a aparesentação do grupo infantil Super Pamp, das 14h30 às 15h30. 

Todas as atrações dos palcos oficiais podem ser vistas aqui.

Vou de carro, ônibus, metrô ou foliônibus?

O metrô continua, nesta segunda-feira (24), sua operação especial de Carnaval, com a estação Central aberta até 1h para embarque e desembarque de passageiros. As demais estações, porém, ficam disponíveis apenas para desembarque.

Dica: para evitar filas e transtornos, a dica é comprar os bilhetes de ida e volta de uma vez, já que na volta a demanda fica alta na estação Central, segundo a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), que administra o metrô de BH.

A empresa relembra que, para agilizar o atendimento e diminuir filas, não haverá recargas de cartão BHBUS durante a operação especial na estação Central (nas outras estações, o procedimento ocorre normalmente).

A orientação da BHTrans é se informar antes porque 261 pontos de ônibus de todas as regiões de Belo Horizonte foram desativados ou tiveram a localização alterada. Segundo a BHTrans, todas as mudanças estão afixadas em cartazes nos pontos e também no aplicativo oficial de ônibus de BH, o SiuMobile para iOS e Android.

Uma boa opção é o uso do Move, que funcionará 24 horas por dia. A única exceção é o fechamento das estações durante a passagem dos blocos nas estações Rio de Janeiro, São Paulo, Tamóios, Carijós e também nas estações de transferência das avenidas Cristiano Machado, Antônio Carlos, Pedro I e Vilarinho.

Todos os pontos ativados e desativados durante os quatro dias do Carnaval podem ser vistos aqui.

Por fim, uma forma divertida e gratuita de se locomover nas regiões Centro-Sul e Pampulha é por meio do foliônibus. O coletivo, que conta com 35 veículos e viabilizado por patrocinadores, sai de 15 em 15 minutos, entre 9h e 20h, nesta segunda-feira (24).

Abaixo, você confere o trajeto completo das três rotas:

Rota 1 – Centro/ Barro Preto/ Savassi/ Santa Tereza (via Contorno)
Itinerário: Av. do Contorno (Estação Lagoinha), Av. do Contorno, Rua Raul Mendes, Rua Bueno Brandão, Rua Hermílio Alves, Av. do Contorno, Retorno na Ponte da Rua 21 de Abril (Rodoviária), Av. do Contorno (Estação Lagoinha).

Rota 2 – Centro/ Savassi/ Floresta (via Bahia e Contorno)
Itinerário: Av. do Contorno (Estação Lagoinha), Rua Rio Grande do Sul, Rua dos Tupinambás, Rua Curitiba, Av. Bias Fortes, Rua da Bahia, Av. do Contorno, Vdt. da Floresta, Av. do Contorno (Estação Lagoinha).

Rota 3 – Pampulha/ Mineirão
Itinerário: Alça de ligação da Av. Dom Pedro I / Av. Portugal entre Rua Canárias e Av. Portugal, Alça de retorno exclusivo de ônibus em frente a Estação Pampulha, Rua Cheik Nagib Assrauy, Av. Dom Pedro I, Barragem da Pampulha, Av. Otacílio Negrão de Lima, Retorno na rotatória da Av. Chaffir Ferreira, Av. Otacílio Negrão de Lima; Av. Santa Rosa, Av. Pres. Antônio Carlos, Av. Mal. Esperidião Rosa (retorno), Av. Pres. Antônio Carlos; Av Pedro I , Alça de ligação da Av. Dom Pedro I / Av. Portugal, Av. Portugal, Rua do Mel, Rua das Canárias (dir.),Alça de ligação da Av. Dom Pedro I / Av. Portugal entre Rua Canárias e Av. Portugal.

Carro e ruas interditadas

Quem preferir passear de carro deve ficar atento às ruas interditadas. No Centro, há trechos bloqueados 24 horas por dia. Em outros locais, as interdições têm horário para ocorrer.

Uma boa notícia é que todas as áreas da cidade regulamentadas com o Faixa Azul Digital estão liberadas para uso sem cobrança nesta segunda-feira, 24 horas por dia. A liberação do rotativo também ocorre nesta terça durante todo o dia e noite e na quarta-feira de Cinzas (26) até o meio-dia.

Aqui, você vê quais ruas estão fechadas de acordo com a sua região ou bairro de interesse.

Mapa de ruas interditadas

Clique na imagem para ampliá-la

Leia mais:​
Disparada de preço em apps leva foliões a preferir o transporte coletivo
Bloquinhos, palcos de shows e ônibus de graça: veja a programação do Carnaval de BH
Transporte de graça no Carnaval: saiba as três rotas por onde o foliônibus vai passar em BH