Um homem, de 54 anos, foi preso por abusar sexualmente de duas irmãs moradoras do sítio onde ele trabalhava como caseiro, em Betim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

Segundo as investigações, o suspeito dava dinheiro para as vítimas, menores de 14 anos, em troca de passar a mão nos corpos delas, além de manter relações sexuais com a irmã mais velha, que tinha 12 anos à época dos fatos. Ele também fazia as menores assistirem a filmes pornográficos.

Ele também obrigava as garotas a dizer para a  mãe que o dinheiro era dado pelo dono do sítio. Desconfiada, a mãe encontrou imagens de um vídeo de celular que mostrava a filha saindo do quarto do suspeito “ajeitando o vestido dela”.

O suspeito negou os abusos sexuais, mas confirmou que as meninas frequentavam a casa dele e realmente dava dinheiro, mas era para que elas lanchassem na escola. Em relação à irmã mais velha, ele disse que a menina se insinuava para ele.

As investigações foram concluídas em abril de 2018 e o homem foi indiciado.

Leia também:
Homem suspeito de abusar sexualmente da companheira e do filho é preso em Janaúba
Homens são presos suspeitos de cometerem crimes violentos em Vespasiano