Os casos de dengue em Belo Horizonte tiveram redução de 85,84% nos quatro primeiros meses de 2018 em relação ao mesmo período do ano passado. Conforme levantamento da Secretaria Municipal de Saúde (SMSA), até a última sexta-feira (20) foram confirmados 94 casos da doença na capital mineira, contra 664 contabilizados em 2017.

Do total de notificações, 1.967 foram investigados e descartados. Porém, outros 989 aguardam resultados. O boletim epidemiológico revela, ainda, que a enfermidade transmitida pelo Aedes aegypti não matou nenhuma pessoa na cidade. No ano passado, BH também não registrou nenhum óbito em decorrência da doença.

Chikungunya e zika

De acordo com a SMSA, em 2018 foram confirmados quatro casos de chikungunya, sendo que dois foram contraídos na capital. Há ainda sete casos em investigação para a doença. Com relação a zika, até o momento foram confirmados três casos.

Leia mais:
Minas registra três mortes por dengue em 2018
Março bate recorde em casos de dengue no ano com 5.148 ocorrências da doença em Minas