O castelo do ex-deputado federal Edmar Moreira não será mais leiloado. Agora, o imóvel, localizado em São João Nepomuceno, na Zona da Mata de Minas Gerais, será vendido pelo valor de R$ 40 milhões. 

Anteriormente previsto para ocorrer em 30 de dezembro deste ano, o leilão tinha lance inicial de R$ 30 milhões. Chamado de Castelo Monalisa, a propriedade equivale a 268 campos de futebol, tem 12 torres, 37 suítes com closets e hidromassagem, um parque aquático, capela, lago particular, sauna, adega para 8 mil garrafas, elevador, garagem para 40 carros e uma floresta de eucaliptos e pinhos.

Conforme informou o leiloeiro Dilson Marcos Moreira, da Casa Leiloeira, ao jornal O Globo, a venda direta permite uma seleção dos interessados. “O proprietário achou melhor e pediu para mudar o formato. Algumas pessoas já entraram em contato mas não posso dizer se vai ser vendido ou não”, afirmou.

Ainda segundo a reportagem, o castelo passou para o nome dos filhos de Moreira em 1993, segundo declarações dadas pelo advogado Sérgio Augusto Santos Rodrigues. Leonardo, que morreu em dezembro do ano passado, e Júlio Moreira tornaram-se herdeiros da construção.

Veja fotos da propriedade abaixo: 

Leia mais:
Castelo com 37 suítes do ex-deputado Edmar Moreira será leiloado em Minas; veja fotos
Índice de Confiança da Construção recua pelo segundo mês, diz FGV

Consolidação do formato híbrido impôs novos modelos de funcionamento e contratação