Dez pessoas foram resgatadas pelo Corpo de Bombeiros após ficarem ilhadas em uma residência em Betim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, nesta terça-feira (29). Em outra ocorrência, um bebê de 15 dias ficou ilhado dentro em uma casa no bairro Tupi, na região Nordeste da capital. A terceira ocorrência deixou uma pessoa ainda sem identificação ilhada no bairro Novo Aarão Reis, na região Norte.

Além de residências, os bombeiros resgataram pessoas ilhadas em veículos na avenida Tereza Cristina, em Contagem. Em uma escola no bairro Carlos Prates, na região Oeste, a corporação também atuou para salvar ilhados, entre os quais estavam alunos. Relatos aos bombeiros deram conta de que a água já chegava aos joelhos de um adulto.

Em Lagoa Santa, na RMBH, os bombeiros foram acionados para resgatar quatro pessoas ilhadas na ilha da Lagoa. As vítimas estavam em um barco que virou.

Consequências

Entre desabamentos, desmoronamentos e resgate de ilhados, o Corpo de Bombeiros já havia atendido, até 19h, onze ocorrências relacionadas às chuvas na Grande BH. Já a Defesa Civil de Belo Horizonte registrou 30 chamadas entre 14h50 e 19h.

Pouco antes das 19h, a Defesa Civil de Belo Horizonte alertou em seu Twitter para a possibilidade de as chuvas voltarem com maior intensidade nas duas horas seguintes.