A Polícia Civil abriu investigação nesta quinta-feira (21) para apurar os disparos de arma de fogo contra a Cidade Administrativa, no bairro Serra Verde, em Venda Nova. Os tiros teriam sido dados da rodovia MG-10, em direção ao Prédio Minas, por volta das 19h30 de quarta-feira (20). Duas janelas do edifício foram quebradas. Não houve feridos. Ninguém foi preso.

De acordo com a PM, o Batalhão de Policiamento da Guarda recebeu nformações de barulhos semelhantes a tiros na sede do governo. Uma viatura foi deslocada, mas ninguém foi localizado. Mais tarde, outro grupo de policiais que atua no complexo fez nova varredura. Os militares encontraram projéteis na entrada do Prédio Minas. 

A perícia da Polícia Civil foi acionada para identificar o calibre da arma, mas o resultado ainda não foi divulgado. O caso foi encaminhado à Central de Flagrantes (Ceflan) 4 da corporação, no bairro Alípio de Melo, na Pampulha. 

Em nota, o governo de Minas confirmou que janelas do prédio foram atingidas por quatro projéteis e que os agentes do Batalhão de Guarda se dirigiram imediatamente ao local. Ainda segundo o Estado, os esclarecimentos poderão ser feitos pela Polícia Civil após a conclusão do inquérito, em até 30 dias.

Leia também:
Quase 13 mil estabelecimentos foram flagrados desrespeitando as regras de isolamento em BH