Um agente penitenciário do Centro de Remanejamento do Sistema Prisional (Ceresp) Gameleira, em Belo Horizonte, foi flagrado com seis aparelhos celulares na tarde dessa quinta-feira (21).

Segundo a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), o homem já vinha sendo monitorado pela Assessoria de Inteligência da unidade prisional. Após o flagrante, o suspeito foi ouvido e uma investigação interna foi instaurada para apurar a ocorrência no âmbito administrativo.

O servidor, agora, será encaminhado à Polícia Civil, que vai investigar criminalmente o fato. A Sejusp ainda informou, em nota, que vai acompanhar o caso para que todos os procedimentos legais sejam aplicados com o devido rigor. " A secretaria reitera o seu compromisso em apurar com celeridade e, nos termos da lei, as denúncias relativas aos desvios de conduta dos seus servidores.", diz o posicionamento.