Uma aeronave Hércules, da Força Aérea Brasileira (FAB), chegou por volta das 18h desta quinta-feira (20) ao Aeroporto de Confins, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, para retirar o Boeing 777 da Latam que precisou fazer um pouso forçado na pista principal do terminal esta madrugada. A previsão de liberação total da via para pousos e decolagens, antes marcada para às 19h agora está prevista para às 22h.

Por enquanto, apenas voos em aeronaves de pequeno porte estão autorizados. Até o início desta noite, 145 voos haviam sido cancelados pelas companhias aéreas que operam no local. Mesmo com a interdição de parte da pista, aconteceram 33 partidas e 36 chegadas, com atraso, no terminal. A orientação da BH Airport, empresa que administra o terminal, é que os passageiros consultem a companhia aérea antes de se dirigirem ao aeroporto.

Mesmo com a liberação total, a previsão é de que haja impacto no trânsito de passageiros e aeronaves pelo menos até a manhã desta sexta-feira. Além da mudança de horários, houve também a alteração de alguns destinos. Sete voos da Azul e dois da Latam foram direcionados para o Aeroporto da Pampulha, na capital. A Infraero, que administra o terminal de BH, autorizou as mudanças e informou estar à de disposição de Confins para ajudar no fluxo de partidas e chegadas.

Susto

Os passageiros que estavam no voo LA 8084, da Latam, que decolou às 0h30 de Guarulhos, na região metropolitana de São Paulo, com destino a Londres, nesta madrugada, já retornaram à capital paulista. Lá, segundo a Latam, eles devem embarcar em outro voo para Londres, ainda nesta quinta-feira (20).

339 clientes e 16 tripulantes estavam a bordo do Boeing, que teve que fazer um pouso forçado em Confins às 1h43. A Latam informou que a aterrissagem aconteceu por problemas técnicos, mas não especificou quais seriam estes problemas. Uma pane elétrica associada ao excesso de peso teriam motivado o piloto a estacionar a aeronave na Grande BH.

Com o impacto da aterrissagem, oito dos doze pneus do trem de pouso do avião estouraram. Agora, o Hércules, da FAB, está fazendo a retirada do Boeing da pista de Confins e auxiliando na troca dos pneus, que, em conjunto, pesam cerca de 7 toneladas. A parceria para o trabalho foi feita entre a Latam e a FAB.

As causas oficiais do acidente ainda serão investigadas pela FAB.

Leia Mais:
Tem voo marcado para esta quinta em Confins? Veja os contatos das principais companhias aéreas
Aeroporto de Confins é fechado após avião fazer pouso de emergência