A chuva que atinge São Paulo e região metropolitana desde a noite dessa quinta-feira (10) já causou deslizamentos, alagamentos e fez pelo menos 15 vítimas. Ainda há três pessoas desaparecidas, de acordo com a Defesa Civil da capital paulistana.

Em Mairiporã, na Grande SP, três pessoas morreram e outras sete foram socorridas pelos bombeiros após o deslizamento de uma casa. Em Francisco Morato, outras três pessoas também perderam a vida e duas foram resgatadas após um desabamento no início da madrugada desta sexta-feira (11). Houve deslizamento de terra também na subprefeitura do M'Boi Mirim.

Em Franco da Rocha há ruas completamente alagadas. Pessoas estão ilhadas em casa, mas algumas se arriscam a sair assim mesmo. As viaturas de uma delegacia de polícia da região estão debaixo d'água.

Trânsito

Antes das 7h, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) já registrava 67 quilômetros de lentidão na cidade. Uma das vias mais congestionadas é a Marginal do Tietê sentido Castello Branco, com mais de 20 quilômetros de congestionamento. A do Pinheiros também está cheia de veículos da rua Américo Brasiliense até Quintana sentido Castello tanto na pista expressa quanto local.

Guarulhos

O aeroporto de Guarulhos ficou fechado desde às 23h50 por causa da chuva forte e reabriu às 6h06. Ao menos 12 voos foram transferidos para outros aeroportos e outros três foram cancelados.

*Com Estadão Conteúdo