Um corte clandestino de árvores de grande porte em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, interditou cinco casas na tarde deste sábado (15).

De acordo com a Defesa Civil de Contagem, a ocorrência aconteceu no bairro Vila Pérola, na regional Ressaca. Os troncos e galhos das árvores, ao serem cortados, atingiram as residências e causaram sérios estragos. Apesar da gravidade, ninguém ficou ferido e os moradores das casas acabaram desalojados e foram encaminhados para a casa de parentes.

A Polícia Militar, que registrou a ocorrência de crime ambiental, afirmou que a chamada foi feita por uma pessoa da região, que alegou que a árvore cortada na casa vizinha havia danificado a casa de uma tia. Ainda segundo a PM, era uma empresa que fazia o corte da árvore, mas o boletim não aponta o nome da companhia.