Moradores de seis bairros e oito distritos de Mariana, na região Central de Minas, estão sofrendo com a falta de abastecimento de água desde sexta (25). A informação foi confirmada pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE-Mariana) do município, que está recorrendo ao uso de caminhões-pipa para levar água a essas regiões.

Segundo a autarquia, a captação de água é feita através de poços e mananciais que estão apresentando baixa nos últimos dias. “As duas principais estações de tratamento de água estão operando sob nível muito baixo, o que afeta a pressão para levar a água até as casas”, explica o diretor do SAAE, Ronaldo Canêlo.

De acordo com o SAAE, o nível da captação de água no município caiu 40% em setembro.

Para suprir o desabastecimento, a autarquia está usando dez caminhões pipa, com capacidade de armazenar 10 mil litros de água cada, e outros quatro veículos que transportam até 20 mil litros.

Os moradores podem fazer a solicitação de caminhão-pipa por meio dos telefones 115 ou (31) 3557-9300.

Até o momento, os locais desabastecidos são:

  • Bairros: Rosário, Cabana, Santa Clara, Santa Rita de Cássia, São Gonçalo e Santo Antônio
  • Distritos: Barroca, Furquim, Monsenhor Horta, Margarida Viana, Paraíso, Camargos, Engenho Queimado e Imbaú

Leia também:

Copasa responde Arsae e nega racionamento em BH e outros 22 municípios

Moradores de 9 cidades da Grande BH reclamam de falta d’água; Copasa nega racionamento

Presidente da Copasa não vê risco de desabastecimento no Estado