O projeto que vai ampliar o serviço de compartilhamento de bicicletas em Belo Horizonte ganha mais um capítulo. A Prefeitura de BH, por meio BHTrans, abriu, nessa quinta-feira (29), uma consulta pública para que cidadãos e empresas interessadas contribuam com o futuro chamamento público.

A ideia é que os interessados se manifestem e opinem sobre termos constantes no Edital e seus anexos, disponíveis neste link, e levem ideias para a prestação adequada dos serviços.

A consulta, que fica aberta até o dia 14 de dezembro, vai receber e-mails dos interessados em contribuir, que devem enviar sugestões para o endereço bicicletascompartilhadas@pbh.gov.br.

Projeto

Belo Horizonte possui o Sistema de Compartilhamento de Bicicletas – Bike BH, com contrato vigente desde 2014 com encerramento previsto para abril de 2019. O sistema Bike BH possui 40 estações: 6 estações na orla da Lagoa da Pampulha e 34 estações na Área Central.

Sistema de Compartilhamento de Bicicletas Compartilhadas com Estação

O Sistema de Compartilhamento de Bicicletas com estação será dividido em 9 lotes, de acordo com as 9 regiões da cidade, tendo como referência um total de 140 estações. As proponentes poderão fazer propostas para Sistemas que contenham, no mínimo, dez estações, em um ou mais lotes.

Sistema de Compartilhamento de Bicicletas Compartilhadas sem Estação

Esse sistema não opera com estação física e precisa de sistema de autotravamento e suporte tecnológico para seu funcionamento e liberação. Em comparação com os sistemas tradicionais de compartilhamento de bicicletas, com estações fixas, o modelo sem estações permite que o ciclista deixe a bicicleta num local onde for mais conveniente para ele. Os Sistemas de Compartilhamento de Bicicletas sem Estação também deverão considerar o atendimento às 9 regiões da cidade.

(Com PBH)