O jovem de 17 anos, sobrinho do deputado estadual Alencar da Silveira Júnior (PDT), baleado em uma festa na tarde desse domingo (26), na área de festas do prédio onde mora o parlamentar, no bairro de Lourdes, região Centro-Sul de BH, passou por cirurgia e deve ser transferido ainda nesta segunda-feira (27) para o quarto, onde fará sua recuperação.

De acordo com o deputado, o adolescente teve quatro órgãos perfurados e foi encaminhado ao Hospital João XXIII, onde passou pela cirurgia; ele não corre risco de morte. "Além dele, minha esposa foi atingida de raspão e outros dois convidados, um deles, que também é meu sobrinho, foi para o hospital mas, felizmente, os ferimentos são leves e ele foi liberado ontem mesmo", contou o deputado.

Ainda bastante indignado com o crime, o parlamentar mostrou que está disposto a fazer de tudo para identificar o autor dos disparos. "Estou escrevendo neste momento uma carta aos meus vizinhos, dos três prédios em volta, para pedir que me ajudem a encontrar o responsável, porque isso representa um perigo para todos nós. Ontem foi com a minha família, amanhã pode ser com a de qualquer um".

Segundo Silveira Júnior, a esposa organizou uma festa de despedida para um familiar que viaja na próxima semana e convidou todos os parentes. Por volta das 13h35, poucos convidados haviam chegado e o som estava ligado, quando os tiros vieram de cima, de um dos apartamentos. Até o momento, ninguém identificou o autor.

Investigações

A Polícia Civil de Minas Gerais instaurou inquérito na manhã desta segunda-feira (27) para investigar a origem dos disparos de arma de fogo que atingiram quatro convidados do deputado. A investigação segue em sigilo.

Cancelamento

Na tarde desta segunda-feira, Alencar da Silveira Júnior, que também é candidato à reeleição, adiou a inauguração de seu comitê de campanha que estava marcada para esta terça-feira (28).

(Com Anderson Rocha)

Leia mais:
Quatro são baleados em festa na casa do deputado Alencar da Silveira Jr., no Lourdes
Polícia faz diligências à procura de suspeito de balear quatro em festa de deputado no Lourdes