Depois de três meses de investigações, uma ação da Polícia Civil resultou na apreensão de cinco toneladas de fios de cobre furtados. Sete suspeitos foram presos em Belo Horizonte e na região metropolitana, na durante a operação Sinal Vermelho, montada para combater a receptação e a comercialização cabos de energia, telefonia e internet furtados. 

Foram  cumpridos 13 mandados de busca e apreensão em estabelecimentos comerciais. Sete deles em BH, quatro em Contagem e dois em Santa Luzia.

Na terça-feira (30), a Polícia Civil realizou operação da mesma natureza. E um homem conhecido como “Rei do Cobre” foi localizado e 260 quilos de material foram apreendidos em Betim, Região Metropolitana de BH. O caso entrou no radar dos policiais depois de uma denúncia de furto de fios da rede elétrica em uma unidade de saúde de Betim. Sem energia, mais mil vacinas foram perdidas.

De acordo com a investigação, o “Rei do Cobre” movimentava cerca de R$ 400 mil por mês com as atividades.

Leia mais:

Suspeita de matar bebê encontrado em congelador no Barreiro é ouvida pela polícia e detalha o caso
Nova audiência entre empresas e motoristas de ônibus acontece na manhã de sexta