Colégio Técnico da UFMG adia retorno das aulas presenciais devido a casos de Covid-19

Da Redação
portal@hojeemdia.com.br
15/01/2022 às 12:34.
Atualizado em 18/01/2022 às 00:54
 (Foca Lisboa / UFMG / Divulgação)

(Foca Lisboa / UFMG / Divulgação)

Em comunicado divulgado nessa quinta-feira (13), o Colégio Técnico (Coltec) da UFMG decidiu suspender as aulas presenciais por pelo menos 10 dias, de 14 a 23 de janeiro.

Segundo o Coltec, a decisão foi tomada pelo comitê de biossegurança após o registro de 38 casos suspeitos e 18 confirmados de Covid-19 entre estudantes e servidores do colégio. O contágio, conforme revela o documento, aparenta ter sido fora da escola.

"Considerando o atual contexto epidemiológico com circulação da nova variante Ômicron e do vírus influenza, indicou-se, com apoio do Comitê Permanente da UFMG, a suspensão das atividades presenciais para melhor monitoramento e redução do risco de contaminação', explica o comunicado, que é assinado pela presidente do comitê, professora Virgínia Fernandes Mota.

Dessa forma, todas as atividades didáticas previstas até o próximo dia 23 devem ser realizadas de forma remota. Ainda de acordo com o comunicado, o comitê de biossegurança do Coltec continuará acompanhando os casos. Até o momento, nenhum membro do colégio apresentou sintomas graves de Covid-19.

O texto finaliza com recomendações de segurança sanitária: "Sempre é bom lembrar a importância de usar máscaras de boa qualidade, evitar aglomerações, respeitar o período de isolamento ou quarentena e, principalmente, manter a vacinação em dia com todas as doses recomendadas para Covid".

Leia a íntegra do comunicado:

Cara comunidade coltecana,Comunicamos a suspensão das atividades presenciais no Coltec por 10 dias (14/01/22 a 23/01/22).Desde o início das aulas em janeiro de 2022, o Comitê Local de Biossegurança do Coltec foi notificado de 38 casos suspeitos e 18 casos confirmados de covid entre estudantes e servidores, destes apenas 6 chegaram a frequentar a escola, o que indica provavelmente adquiridos em espaços fora da escola. Considerando o atual contexto epidemiológico com circulação da nova variante ômicron e de Influenza, com apoio do Comitê Permanente da UFMG, indicou-se a suspensão das atividades presenciais para melhor monitoramento e redução do risco de contaminação.Todas as atividades didáticas previstas para o período de 14/01 a 21/01/22 devem passar para o modelo remoto e os encontros síncronos devem ser realizados nos horários programados para as atividades presenciais.O Comitê de Biossegurança do Coltec continuará fazendo o acompanhamento dos casos confirmados e informa que, até o momento, nenhum membro da comunidade apresentou agravamento dos sintomas. Agradecemos a colaboração da comunidade coltecana no processo de monitoramento, tão importante neste momento. Solicitamos que continuem encaminhando ao Comitê Local as informações sobre início de sintomas gripais, os atestados médicos e que acessem o MonitoraCovid para registro da notificação e encaminhamento ao Telecovid, se necessário. Sempre é bom lembrar da importância de usar máscaras de boa qualidade, evitar aglomerações, respeitar o período de isolamento ou quarentena e, principalmente, manter a vacinação em dia com todas as doses recomendadas para covid.Com base no que sabemos até o momento, o SARS-CoV2 fará parte de nosso “repertório” de vírus respiratórios por tempo indeterminado e exige que nos habituemos às medidas de biossegurança e monitoramento. Nosso esperado retorno às atividades presenciais está sujeito a idas e vindas, sempre orientado pelos indicadores epidemiológicos e com respeito à vida, à saúde e à educação.Virgínia Fernandes MotaPresidente do Comitê de Biossegurança do COLTEC-UFMG

Leia mais:

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por