Pedro Leopoldo, assim como várias cidades da Grande BH, registra aumento nos casos confirmados de Covid-19. As notificações cresceram 400% em relação ao mês passado. Em meio ao avanço da doença, a cidade adotou novas medidas de flexibilização nesta semana.

Porém, apesar de recuar em determinadas ações, com o fechamento das atividades por alguns dias, agora permite o funcionamento de outras que estavam suspensas. Por lá, entrou em vigor o sistema dois por um: o comércio funciona na totalidade por duas semanas e fecha por uma, permitindo somente os serviços essenciais.

Academias, salões de beleza, centros de estética e cursos técnicos com aulas presenciais, que ficaram fechados por mais de cem dias, poderão abrir as portas.

De acordo com o decreto da prefeitura, os estabelecimentos deverão seguir normas de segurança, como o fornecimento de máscara para funcionários, restrição e controle de entrada de clientes, disponibilização de álcool em gel e distanciamento mínimo de dois metros entre as pessoas.

O secretário municipal de saúde, Fabrício Simões, disse que essa é uma estratégia de equilíbrio. "Foi flexibilizado mais um tipo de comércio e, em paralelo, se reduziu a possibilidade das semanas de abertura.” Ele lembra que, na semana passada, Pedro Leopoldo estava "fechada".

Desde 4 de maio, a prefeitura vinha adotando o sistema três por um, com três semanas de funcionamento e uma de fechamento. Em 1º de junho, a cidade tinha 17 casos de Covid-19 e, atualmente, 85.

Veja o que pode funcionar em Pedro Leopoldo nas semanas de flexibilização:

- Supermercados

- Padarias

- Sacolões

- Açougues

- Postos de combustível

- Casas de ração

- Farmácias

- Mecânicas

- Borracharias

- Lojas de conserto de celulares

- Materiais de construção

- Distribuidoras de gás e água

- Óticas

- Chaveiros

- Lojas de aviamentos

- Centro de formação de condutores

-Clíncias de estética

- Salões de beleza

- Barbearias

- Academias

- Centros de ginástica

- Estabelecimentos de condicionamento físico

- Escolas profissionalizantes (só aulas práticas)

- Lojas de artigos de vestuário e acessórios

- Artigos esportivos

- Calçados

Leia também:
Com digitalização de salas de aula, pandemia acentua exclusão escolar
Mercado registra alta de 116% nos emplacamentos, mas rombo em 2020 beira os 40%