O governo de Minas informou nesta terça-feira (4) que o número de casos de Covid-19 segue em estabilização no Estado e há tendência de decréscimo. No fim de julho, a gestão estadual declarou que os casos devem começar a cair a partir da próxima semana.

"Nesse momento, nos parece, efetivamente, estarmos num platô, com uma tendência de desaceleração no futuro. Isso para nós é muito importante porque, pelo menos, mostra que a tendência de crescimento e aumento exponencial de casos foi abolida no Estado", afirmou o secretário de Estado de Saúde, Carlos Eduardo Amaral.

O platô é uma trajetória em que as notificações se mantêm elevadas até começarem a cair. E elas têm se mantido no alto: nesta terça, infelizmente, Minas ultrapassou a marca de 3.043 mortes pela doença. O número de infectados está em 135.728. 

Apesar de afirmar que aumento exponencial de casos foi "abolido" em Minas, o gestor declarou, no fim do mês passado, que oscilações na quantidade de notificações da doença deverão ocorrer no território mineiro nos próximos meses.