Com capacidade total para 25 mil pessoas, o Mineirinho foi tomado por milhares de fiéis na manhã desta quinta-feira (18) durante a celebração da Missa da Unidade, presidida pelo arcebispo dom Walmor. Cerca de 300 caravanas, vindas dos 28 municípios que integram a Arquidiocese de Belo Horizonte, ajudaram a lotar o estádio. 

Tradicional, a Missa da Unidade é celebrada desde 1980 no Mineirinho, e este ano, a emoção ficou por conta da homenagem às vítimas de Brumadinho e o alerta para as barragens de mineração. A homenagem contou com a apresentação de jovens da Paróquia Dom Bosco, localizada no bairro de mesmo nome em Belo Horizonte. 

Dom Walmor destacou que a Missa da Unidade é momento especial, de experiência de fé, para compreender, à luz de Cristo, o caminho que devemos percorrer para nos qualificar e, assim, ajudar a construir um mundo mais solidário e fraterno. “A Unidade é grande força para lutarmos e construirmos um mundo novo à luz da fé”, disse.

Leia mais:

Missa da Unidade no Mineirinho altera trânsito na Pampulha nesta quinta-feira
Você sabia que a Quaresma não tem 40 dias? Entenda essa história
Arcebispo anuncia em Brumadinho criação de monumento em homenagem às vítimas