Minas Gerais registrou, nesta terça-feira (21), o dia mais quente do ano em Campina Verde, no Triângulo, onde os termômetros marcaram  40,9ºC. A cidade bateu o próprio recorde. Na segunda (20), a temperatura havia atingido 40,2ºC.

Belo Horizonte também teve recorde de calor, com 36,4°C medido na Pampulha, entre 14h e 15h, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). O recorde até então tinha sido registrado em 15 de setembro, quando os termômetros chegaram a 36,2ºC, na mesma estação.

Segundo o Inmet, nesse período de transição do inverno para a primavera, as altas temperaturas são comuns, bem como as grandes amplitudes térmicas, que é a diferença entre as mínimas e as máximas.

A previsão para os próximos dias é que o calor intenso continue em todo o Estado, com temperaturas máximas atingindo os 40ºC no Norte e no Triângulo Mineiro.

Chuvas

Com a chegada da primavera, há possibilidades de pancadas leves de chuva, nesta quarta-feira (22), na região metropolitana. A nova estação começa às 16h21 e pode aliviar o calor, conforme o Inmet.

Leia Mais:
Inmet prevê chuvas e temperaturas irregulares devido a La Niña
Incêndios atingem Parque do Itacolomi e outras 16 áreas florestais em Minas nesta terça-feira