Mais um grupo de moradores com comorbidades vai receber a vacina contra a Covid-19 em Belo Horizonte. A partir deste sábado, portadores de doenças crônicas de 34 a 41 anos podem se proteger com a dose da Pfizer. No entanto, é necessário ter feito o cadastro no site da prefeitura de forma antecipada.

A vacinação é feita em postos fixos, com atendimento das 7h30 às 16h, além dos pontos de drive-thru, que funcionam das 8h às 16h. É necessário apresentar documentos que comprovem a condição de saúde.
 
De acordo com o boletim da PBH, 192 mil pessoas testaram positivo para o vírus desde o início da pandemia. Desses, 4,6 mil morreram por complicações da doença.

Grávidas
A vacinação das gestantes acima dos 40 anos sem comorbidades, prevista para a última quarta-feira, foi suspensa em BH por determinação do Ministério da Saúde. 

Segundo o subsecretário de Promoção à Saúde e Vigilância Epidemio-lógica, Fabiano Pimenta, a prefeitura aguarda nova indicação da pasta nacional para dar continuidade à campanha.

“Essa interrupção é temporária até a elucidação da situação no Rio de Janeiro. Tão logo seja esclarecida, e conforme orientação do ministério, Belo Horizonte imediatamente colocará em prática as orientações que vierem”, afirmou.

Na capital fluminense, a morte suspeita de uma gestante de 35 anos, que recebeu Astrazeneca, é investigada.