Foi confirmada mais uma morte por meningite na Região Metropolitana de Belo Horizonte, a segunda em menos de uma semana. Uma adolescente de 16 anos morreu após dar entrada na noite de sexta-feira (7) no Pronto-Atendimento da Unimed. A menina morava no bairro São Benedito, em Santa Luzia.

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) vai investigar onde a garota contraiu a doença. Ela foi enterrada, neste sábado (8), no Cemitério da Saudade.

Na última terça-feira(4), uma menina de 7 anos morreu da mesma doença. Outros 30 alunos, que apresentaram sintomas da Meningite (enjôo, dor de cabeça e diarréia) e estudam na Escola Municipal Dinorah Magalhães Fabri, na Vila Cemig, no Barreiro, foram encaminhados para atendimento médico.

Segundo a SES, de janeiro a junho deste ano, 390 pessoas foram infectadas pela doença em Minas Gerais e 40 morreram, oito delas em Belo Horizonte.