A Polícia Militar (PM) encontrou, na tarde deste sábado (25), o corpo de um adolescente de 16 anos, enterrado em um matagal no Bairro Matadouro, em Raposos, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Executado a golpes de facão, o adolescente estava desaparecido desde a última terça-feira, quando familiares começaram a receber ligações anônimas denunciando o crime.

Outro rapaz, também de 16 anos, indicou o local onde o corpo foi enterrado, após ser apreendido como suspeito pelo assassinato. Agredido por populares, o rapaz afirmou aos militares que não matou a vítima, mas que participou do enterro. O menor ainda contou que o corpo foi transferido de lugar, devido ao fácil acesso ao local onde foi enterrado pela primeira vez.

Segundo a PM, a vítima tinha ligação com o tráfico de drogas e cumpria função de "mula". O adolescente era suspeito de roubar dois quilos de drogas de um traficante da região, conhecido como Denilson Régis, o que teria motivado o assassinato. O suspeito foi preso e encaminhado à 3ª Delegacia do Barreiro, em Belo Horizonte, e um outro homem, que também teria envolvimento com a execução,ainda está sendo procurado.