O corpo do ator e humorista Paulo Gustavo, que morreu na noite desta terça-feira (4), em decorrência de complicações da Covid-19, deve ser velado no Theatro Municipal do Rio de Janeiro. O artista, de 42 anos, estava internado desde 13 de março, no Hospital Copa Star, em Copacabana, no Rio de Janeiro.

Conforme informações divulgadas pelo jornal O Globo, o teatro ofereceu o espaço para o velório do ator. A expectativa é de que a cerimônia seja restrita a familiares e amigos mais próximos, por conta do risco de contágio pelo novo coronavírus.

“O Theatro Municipal do Rio de Janeiro lamenta profundamente a morte do ator e comediante Paulo Gustavo, de 42 anos, e esclarece que colocou o Theatro à disposição da família para o velório, seguindo todos os protocolos de segurança da Covid-19", divulgou em nota.

As informações da cerimônia, assim como horário do velório, ainda não foram divulgadas pela assessoria do humorista. Ainda nesta terça-feira (4), a Prefeitura de Niterói, cidade onde nasceu Paulo Gustavo, anunciou luto oficial de três dias, por meio da conta do prefeito Axel Grael no Twitter.

Leia mais:
Filmes estrelados por Paulo Gustavo foram sucesso de bilheteria no cinema nacional; confira
Ator Paulo Gustavo morre vítima da Covid-19 no Rio de Janeiro, aos 42 anos
Quadro do ator Paulo Gustavo é irreversível, diz boletim médico