Milhares de foliões tomaram a rua sapucai, no bairro Floresta, na tarde desta segunda-feira (27), para acompanhar o já tradicional bloco Corte Devassa. 

Ao som de marchinhas e clássicos da MPB, boa parte do público, até pela proximidade dos locais de apresentação, era o mesmo que acompanhou o bloco Baianas Ozadas, que tomou completamente a Praça da Estação.

Os foliões elogiaram a festa que, segundo a maioria, está muito segura, como relata a foliã Daniela Barbosa. "Este ano está mais cheio que 2016, mas tá legal e muito tranquilo, só à noite que fica mais perigoso".

Já a ambulante Talmira Santos reclamou da queda nas vendas de bebidas. "Este ano tá complicado, tem muito ambulante na rua, o que reduziu o faturamento. Ainda não consegui empatar o meu investimento. No ano passado, na segunda ja estava com lucro".

A rua Sapucaí está fechada para o deslocamento do bloco e, segundo a BHTrans, as avenidas do Contorno, Andradas, além das ruas da Bahia e Guaicurus enfrentam lentidão no trânsito por causa do deslocamento do bloco.  

Veja como está o clime do bloco Corte Devassa:

Leia mais:
Assédio e agressão no bloco Queixinho viram caso de polícia
​Havayanas Usadas enfrenta problemas para terminar desfile no Sagrada Família
Mega desfile do Baianas Ozadas transforma Afonso Pena em um pedacinho da Bahia
Havayanas Usadas estreia no Carnaval no bairro Sagrada Família