Belo-horizontinos que por algum motivo receberam a primeira dose do imunizante contra a Covid-19 em outros municípios, poderão completar o esquema vacinal na capital mineira. Aqueles que residem em outras cidades e estiverem de passagem pela metrópole, também podem receber a segunda dose caso estejam dentro do prazo de vacinação. A informação foi divulgada pela Secretaria Municipal de Saúde. 

Para a aplicação, será preciso apresentar o cartão de vacina para comprovar o recebimento da primeira dose em outro local, além de mostrar um comprovante de endereço atual.

Conforme informou a prefeitura, é preciso verificar os locais listados para cada grupo e checar os endereços, disponibilizados aqui, antes de se deslocar aos pontos de imunização. Em BH, a dose é aplicada das 8h às 17h em pontos fixos e extras, das 7h30 às 14h em drive-thru e até 20h em pontos com horário noturno. Dentre os extras, um novo começou a funcionar nas Faculdades Kennedy e Promove

A Secretaria Municipal de Saúde também orienta que o usuário se vacine no dia exato da convocação. Caso a pessoa se dirija às unidades em data posterior, está sujeita a enfrentar filas, já que os pontos de repescagem estão distribuídos em uma unidade por regional e por tipo de vacina.

Leia mais:
Minas confirma 2,5 mil casos e 17 mortes por Covid nas últimas 24 horas
Pela 1ª vez, Estado tem todas as macrorregiões na Onda Verde do Minas Consciente
Minas recebe mais de 353 mil doses das vacinas Pfizer e CoronaVac nesta quinta-feira