Proprietárias de uma microempresa que fabrica salgados e bolos em Matozinhos, na região Central de Minas, passaram por um susto na noite desse sábado (10). Por causa de óleo quente, um curto-circuito teria gerado uma fagulha em uma das fritadeiras elétricas provocando um incêndio. O estabelecimento não tem Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB).

Ao ser acionada, a corporação de São João del-Rei compareceu ao local. Ao chegar no local, porém, as chamas já haviam sido controladas. De acordo com sargento Emiliano, chefe da equipe empenhada, as pessoas estavam muito nervosas e assustadas. 

"Mesmo com as chamas sob controle, nossa equipe entrou no local para verificar as condições de segurança, pois havia o risco de uma reignição", explicou o militar. Segundo ele, a central elétrica chegou a ser desligada e todos os botijiões de gás foram verificados. 

O sargento orientou as moradoras da casa para que procurassem regulamentar o negócio, reforçando que até empresas caseiras precisam de métodos de prevenção de incêndio. "A simples presença de um extintor apropriado no local poderia ter evitado maiores prejuízos, uma vez que os vizinhos utilizaram água para tentar conter as chamas", alertou. "Como havia óleo quente nas fritaderias, isso gerou uma ‘explosão’ e as chamas tomaram toda a cozinha”, reforçou o militar.