Um garoto de 7 anos passou por um momento de pânico no início da manhã desta segunda-feira (11) em Pequi, na região Central de Minas Gerais. Ele foi feito refém por alguns minutos, por um adolescente, de 15 anos, que participou da tentativa de assalto contra uma agência dos Correios, localizada no Centro da cidade.

De acordo com à Polícia Militar (PM), o jovem e mais um comparsa foram até os Correios e armados, renderam um dos funcionários e o obrigou a abrir o cofre e lhe passarem o dinheiro. Um dos suspeitos saiu mais cedo da agência e ficou aguardando o outro em uma moto. Porém, uma viatura passou pelo local no momento em que ocorria o crime e o motociclista fugiu ao notar a presença policial.

Ainda segundo a PM, os policiais foram em direção aos Correios, quando o adolescente saiu da agência e pegou a criança como refém, apontando uma arma para a cabeça dela. Minutos depois os militares convenceram o suspeito a libertar a vítima e se entregar. O dinheiro foi recuperado e o menino libertado. O comparsa ainda não foi encontrado pela polícia. O jovem foi apreendido e levado para a delegacia de Pará de Minas, na mesma região.