Um dançarino mineiro morreu após ser esfaqueado em Amsterdã, na Holanda, durante uma possível briga de trânsito, na madrugada do último domingo (18). Marcus Coelho, de 45, era de Coronel Fabriciano, no Vale do Aço, e morava há alguns anos na Europa.

De acordo com portais de notícia do país, a vítima foi encontrada por populares dentro de um veículo que estava capotado, por volta de meia-noite, na rua Rozengracht, no bairro de Jordaan. O corpo apresentava cortes. Marcus foi reanimado, levado para um hospital, mas não resistiu e morreu no local.

A suspeita é que tenha ocorrido uma briga de trânsito entre o mineiro e outras pessoas. Isso porque, pouco adiante, foi localizado um homem de 29 anos, que também estava ferido. Ele foi preso e levado para atendimento médico. Outros dois suspeitos, de 34 e 35, também foram detidos por suposto envolvimento no caso.

acidente

Marcus foi encontrado dentro do veículo

Dançarino querido

"Horrível a notícia, uma discussão de trânsito custou a vida de uma pessoa muito querida, alegre e jovem de 45 anos, Marcus Coelho descanse em paz e que Deus conforte o coração de toda sua família, muito triste essa notícia, e que justiça seja feita", relatou Mazinho Benevenuto, amigo brasileiro do mineiro em Amsterdã.

A amiga Jucilene Livistone, que reside em Lisboa, em Portugal, lamentou a perda e pediu que Deus "coloque amor no coração dessas pessoas desalmadas que estão passeando na Terra para derramar lágrimas de familiares".

Leia mais:
Planejamento para retomada das aulas presenciais na UFMG será debatido nesta quarta-feira
Queda nos estoques do sangue O Negativo chega a 45% e Hemominas faz novo apelo por doadores
Suspeito de incendiar cinco carros e uma moto em ruas de BH é preso