De branco, 235 médicos cubanos desembarcam em Minas

Danilo Emerich - Hoje em Dia
03/10/2013 às 11:09.
Atualizado em 20/11/2021 às 13:01

De jaleco branco e com bandeiras de Brasil e Cuba nas mãos, 235 médicos cubanos desembarcaram no início da manhã desta quinta-feira (3), no Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Os profissionais estrangeiros fazem parte de uma leva de 2 mil doutores, que chegam ao Brasil desde a última terça-feira, na segunda fase do Programa Mais Médicos.

Os cubanos desembarcam em BH, Vitória (ES), Fortaleza (CE) e Brasília (DF), capitais onde ficarão alojados e farão um curso preparatório de três semanas. No próximo domingo, outros 215 médicos devem desembarcar em Minas Gerais.

As cidades onde irão atender serão definidas na próxima semana, com prioridade para municípios mais pobres, conforme o secretário Nacional de Atenção à Saúde do Ministério da Saúde, Helvécio Magalhães, que recepcionou os doutores no aeroporto de Confins.
 
Médicos vão começar a atender no mês de novembro (Foto: Eugênio Moraes/Hoje em Dia)

Os cubanos devem começar a atender no início de novembro, quando serão encaminhados para outros municípios. Durante a segunda fase do Mais Médicos, o Ministério da Saúde espera 2.565 doutores, sendo 2 mil vindos de Cuba, 149 profissionais brasileiros e estrangeiros diplomados em outros países e o os 416 restante de profissionais nacionais.

Na primeira fase do programa, o Brasil recebeu 417 cubanos, sendo 25 encaminhados para Minas Gerais. A expectativa do Governo Federal será iniciar uma nova etapa do Mais Médicos em novembro e fechar o ano com 6 mil doutores cubanos, brasileiros e outras nacionalidades atuando e assistindo mais de 15 milhões de pessoas pelo país.

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por