As fortes chuvas ocorridas desde o sábado (27) até esta segunda-feira (29), levaram a Defesa Civil de Belo Horizonte a atender um total de 61 ocorrências locais. Desabamento parcial de muro de arrimo foi o principal motivo de chamadas, seguido por risco de epidemia por doenças infecciosas virais.

As regiões Leste e Norte, foram as que registraram maior número de solicitações, com 11 chamadas, seguida da região Oeste, com 11.

Três árvores caíram, sendo duas na região Noroeste e uma na Norte.

O órgão atendeu ainda a seis denúncias de alagamento, seis de trincas, quatro infiltrações, dentre tantas outras.

Parte de uma residência desabou na região da Pampulha, três encostas desabaram, sendo duas na região Leste e uma na Oeste. De três casos de erosão atendidos pela equipe da Defesa Civil, dois foram por causa natural e um de causa humana.