Duas pessoas foram presas na manhã desta quinta-feira (25) no início da operação "Êxodo 20:13". A ação de combate a suspeitos de homicídios é feita nos Morros das Pedras e do Papagaio, no Aglomerado da Serra e no Complexo Alto Vera Cruz/Taquaril. 

A operação, que começou nesta quinta e vai até domingo (28), é realizada pelo 22º Batalhão da Polícia Militar, responsável pelo policiamento em bairros como Luxemburgo, na região Centro-Sul.

Além das prisões, foram apreendidas duas pistolas, dois carregadores de arma, 22 munições, R$13.900 em dinheiro, um aparelho celular, dois rádios comunicadores, duas porções de maconha e 14 pinos de cocaína. A ação continua nesta quinta e, portanto, os números devem aumentar. 

De acordo com a Polícia Militar, a Êxodo tem foco em localizar e prender suspeitos que tenham mandados de prisão em aberto nas comunidades citadas. Além disso, é feito o cumprimento de mandados de busca e apreensão a casas e de detenção de adolescentes infratores.

Durante a ação, a PM ocupa os aglomerados e aborda pontos de tráfico de drogas. Toda a ação é empenhada por equipes GEPAR (124ª, 125ª, 127ª e 128ª Cias), 123ª Cia Tático Móvel, Patrulha de Operações (124ª, 125ª, 127ª e 128ª Cias), com apoio da Rotam, Bope e Rocca. 

O nome da operação é inspirado na Bíblia, cujo período Êxodo 20:13 refere-se ao mandamento "Não matarás".