Uma mulher de 44 anos e um homem, de 38, suspeitos de aplicar golpes em estabelecimentos que fornecem materiais para festas em Belo Horizonte, foram presos pela Polícia Civil nesta segunda-feira (5).

De acordo com a corporação, os dois usavam documentos falsos para contratar serviços de estabelecimentos de aluguel de materiais para festas (cadeiras, mesas, entre outros utensílios). Em lugares supostamente alugados para eventos, eles recebiam as mercadorias, mas depois retiravam tudo do local e não faziam a devolução.

Com a dupla, foram apreendidos dois veículos, documentos e cartões bancários. No momento do cumprimento de prisão temporária, a mulher ainda foi autuada em flagrante por uso de documento falso.

Mais detalhes sobre o caso serão informados à imprensa nesta quarta-feira (7), no 1º Departamento de Polícia Civil em Belo Horizonte.