Dois homens foram presos após arrombarem uma joalheria na Savassi, na região Centro-Sul de Belo Horizonte. A ação aconteceu na manhã deste domingo (8), no estabelecimento que fica na rua Antônio de Albuquerque. Com um dos suspeitos, os militares encontraram uma mala com mais de R$ 300 mil em joias.

Segundo a polícia, os ladrões tiveram acesso à loja após cavarem um buraco em uma parede de um estacionamento da rua Alagoas. Eles aproveitaram que o local estava fechado para fazer o serviço. Mas, o que eles não contavam é que a loja era monitorada pelo proprietário por meio de um aparelho celular.

Assim que percebeu a movimentação, o dono da joalheria acionou a PM, que começou a fazer um rastreamento pela região e prendeu o primeiro suspeito na avenida Cristovão Colombo. “Ele já estava fora da joalheria e andava normalmente pela rua, mas o que chamou a atenção dos militares foi que ele estava sujo de poeira de tijolo. Ele foi abordado e preso em flagrante com a mala”, explicou o tenente Abílio de Moura, do 1º BPM.

O segundo suspeito, que dava cobertura para o comparsa no assalto e já havia fugido do local, foi detido no bairro Jardim Felicidade, na região Norte da cidade. Ainda conforme a polícia, o endereço seria o ponto de encontro da dupla. 

A dupla foi encaminhada para a Central de Flagrantes do bairro Floresta, na região Leste de BH (Ceflan 2).