Dois homens foram presos suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas na Vila Fazendinha, na região Centro-Sul de Belo Horizonte, na madrugada desta segunda-feira (6).

De acordo com a Polícia Militar, os suspeitos tem 30 e 22 anos, sendo o mais velho o gerente do grupo conhecido como "Gangue do Coqueiro", ou "CK", responsável por venda de entorpecentes na região.

"As prisões foram feitas durante uma operação a fim de coibir o tráfico e homicídios na região da Vila Fazendinha, onde ocorria um baile funk clandestino em via pública. Durante a ação, diversos indivíduos evadiram com a aproximação da viatura policial, e dois deles adentraram uma casa, sendo perseguidos e abordados", explicou o sargento Pedro Godoi.

Arma automática e material apreendido foram encontrados em uma casa na Vila Fazendinha

Na residência onde se esconderam os suspeitos foram encontrados 16 buchas de maconha, 9 porções da mesma droga, 7 pinos de cocaína, 3 rádios, 2 balanças de precisão, R$ 675 em dinheiro, uma arma automática PT 9mm de fabricação turca, e seis munições do mesmo calibre.

Suspeitos, que foram registrados pelos crimes de tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo, e o material apreendido foram levados para a Central de Flagrantes 3, no Barreiro.