Dois homens foram presos em flagrante no fim da tarde desta terça-feira (15) suspeitos de terem tentado roubar um veículo, no bairro da Graça, região Nordeste de Belo Horizonte. Segundo a Polícia Militar (PM), duas mulheres estavam em um Peugeot de cor prata quando teriam sido abordadas por Warlley da Silva Siqueira, de 21 anos, e Saimon Carlos Estevam, de 19 anos. Estevam teria ainda agredido a motorista do carro com um canivete.
 
A passageira do carro relatou à PM que as duas pararam em cruzamento da rua Coromandel com a rua Macaé para pedir informações a pedestres sobre como chegar ao Centro de Belo Horizonte. Segundo a passageira, foi neste momento que os homens fizeram a abordagem. De acordo com a PM, enquanto Estevam rendeu a motorista com o canivete, Siqueira retirou a passageira do veículo. 
 
Conforme informou a PM, quando a motorista saiu do veículo, Saimon arrancou a chave das mãos dela e a golpeou com o canivete no abdômen. Como a motorista teria deixado o carro desengrenado, o veículo desceu a rua Coromandel desgovernado e se chocou com o muro de um prédio próximo ao local. Segundo a PM, de posse da chave, os suspeitos tentaram, sem sucesso, ligar o carro. Incomodados com os pedestres que testemunhavam a cena, os dois homens, então, teriam fugido sem levar o Peugeot. Os militares foram acionados e conseguiram capturar os suspeitos na rua Itapagipe, esquina com a rua Macaé. 
 
Devido ao ferimento no abdômen, a motorista do carro foi levada para o Hospital Odilon Behrens e encontra-se em observação. Durante a fuga, Estevam sofreu algumas escoriações e foi encaminhado para a Unidade de Pronto Atendimento do Hospital São Francisco. O veículo foi removido e levado para um pátio do Detran-MG, em Belo Horizonte.
 
A PM não soube informar para qual delegacia os suspeitos serão levados. Segundo a PM, as câmaras de segurança do prédio em que o veículo bateu deverão ser usadas nas investigações.
 
As investigações sobre o caso serão agora conduzidas pela Polícia Civil.