Dois homens apontados como os líderes do tráfico de drogas no Aglomerado Vila Real, na região da Pampulha, em Belo Horizonte, foram presos com drogas e armas. A Polícia Militar chegou até os suspeitos, que têm entre 21 e 22 anos, após denúncia e rastreamento na região.

Um dos jovens seria o chefe da "boca de fumo" e o outro o braço-direito dele. A dupla teria assumido a gerência do tráfico no aglomerado após a prisão, no último dia 28, de um integrante da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC).

Os suspeitos foram detidos na noite de terça-feira (3) na rua Engenho do Mar, no bairro Engenho Nogueira, na mesma região. Com eles, militares do 13º Batalhão apreenderam 254 pinos de cocaína, 228 pedras de crack e um Palio. Na casa de um dos jovens a PM encontrou, ainda, maconha, cocaína, crack, uma arma e dois kits que transformam pistola Glock em submetralhadoras. 

A ocorrência foi registrada na Central de Flagrantes (Ceflan) 1.