Volta às aulas: veja 10 dicas que podem ajudar na readaptação das crianças na escola

Vivian Chagas (*)
@vivisccp
06/08/2021 às 14:57.
Atualizado em 05/12/2021 às 05:37
 (Reprodução/Freepik)

(Reprodução/Freepik)

A pandemia da Covid-19 obrigou escolas a suspenderem as aulas presenciais por mais de um ano. Com o retorno gradual das atividades, muitos pais podem enfrentar dificuldades na readaptação das crianças ao ambiente do colégio.

A psicóloga, psicopedagoga e professora das Faculdades Promove Fabíola Bonni explica que tanto a primeira vez que a criança vai à escola quanto o retorno após a suspensão das atividades é permeado de inseguranças por parte dos pequenos, ainda mais com a ameaça do vírus.

Para tranquilizar as crianças, ela deixa algumas dicas que os pais podem utilizar durante o retorno das aulas. Confira:

1 - Leve o filho até a porta da escola falando coisas boas e legais que podem acontecer no ambiente, como por exemplo: que vai construir novas amizades, rever os amigos, aprender e brincar. Se os responsáveis não puderem ir pessoalmente, escolha alguém de confiança para isso.Reprodução/Freepik

Fale sempre coisas legais para o filho durante o caminho da escola, como, por exemplo, que ele vai reencontrar os amigos

2- É preciso ter paciência. Choro e não querer ficar na escola é normal nesse momento de retorno.

3 - Os pais não devem passar a ansiedade que sentem para a criança. Procure sempre tranquilizar e passar segurança para os pequenos não ficarem assustados.Reprodução/Freepik / N/A

Pais devem passar segurança para a criança

4 - Crie uma rotina para a criança. Ter hora de acordar, dormir, se alimentar e brincar traz segurança para o pequeno.Reprodução/Freepik / N/A

Crie uma rotina para a criança

5- Não atrase para buscar a criança na escola. Procure sempre ser pontual nesse momento de retorno, para não assustá-la.

6- Veja se a escola autoriza que a criança leve um brinquedo de casa e estimule o pequeno a levar para que ele se sinta “próximo de casa”.Freepik/Divulgação / N/A

Incentive a criança a levar um brinquedo de casa caso possa

7- Fale sempre que a “separação” de quando deixar a criança na escola é temporária. Isso passa segurança para a criança e não a assusta achando que os pais irão “sumir”.Freepik/Divulgação / N/A

É fundamental que a criança não fique assustada achando que irá ficar na escola para sempre

8- Procure escolas que ofereçam um bom acolhimento para o filho.Freepik/Divulgação / N/A

Opte por escolas que ofereçam um bom acolhimento para o filho

9 - Saia de casa com antecedência e procure entrar na escola para conhecer a sala da criança, conversar com a professora e ficar um pouco com o filho. Isso também traz segurança para o pequeno.Pexels/Reprodução / N/A

Saia de casa com antecedência para ter conversas com a professora sobre o filho

10- Pergunte sempre como foi o dia da criança. Faça o pequeno se expressar e falar seus sentimentos.Freepik/Divulgação / N/A

Pergunte sempre como foi o dia da criança na escola

(*) Especial para o Hoje em Dia

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por