Enquanto centenas de moradores da região de Venda Nova ainda contabilizavam os prejuízos após a chuva que atingiu Belo Horizonte na madrugada de sábado (21), um outro temporal atingiu a capital mineira nas primeiras horas deste domingo (22). De acordo com a Defesa Civil Municipal, Venda Nova foi a regional mais afetada pelo acumulado de precipitação nas últimas 48 horas. Choveu na região 159,8 mm - 80% do esperado para março inteiro. 

chuva

Com 60,2 mm, a região Noroeste foi a mais atingida pelo acúmulo de chuva nas últimas 24 horas, o que representa 30% do previsto para todo o mês. 

Deslizamento de terra

O temporal que atingiu a capital mineira nas últimas horas trouxe consequências na rua Professor Djalma Guimarães, no bairro Lajedo, na região Norte. Após um deslizamento de terra, um muro de arrimo caiu junto com o barranco em cima de dois cães. Apesar do susto, os animais foram retirados com segurança pelo Corpo de Bombeiros e entregues aos donos.

Previsão 

Segundo a Defesa Civil a de Belo Horizonte, a previsão meteorológica para este domingo indica que o dia será de céu nublado com pancadas de chuva ao longo do dia, raios e rajadas de vento. 

 

Acumulado de chuvas (mm) por regional nas últimas 24 horas:

Barreiro - 41,9 (21,2%)
Centro Sul - 44,8 (22,6%)
Leste - 46,0 (23,2%)
Nordeste - 36,2 (18,3%)
Noroeste - 60,2 (30,4%)
Norte - 38,0 (19,2%)
Oeste - 46,0 (23,2%)
Pampulha - 32,4 (16,4%)
Venda Nova - 37,6 (19,0%)

Acumulado de chuvas (mm) por regional em março até 7h do dia 22:

Barreiro - 239,6 (121,0%)
Centro Sul - 345,6 (174,5%)
Leste - 341,2 (172,3%)
Nordeste - 298,6 (150,8%)
Noroeste - 331,6 (167,5%)
Norte - 305,4 (154,2%)
Oeste - 276,8 (139,8%)
Pampulha - 288,2 (145,6%)
Venda Nova - 332,2 (167,8%)

Acumulado de chuvas (mm) por regional nas últimas 48 horas:

Barreiro - 106,6 (53,8%)
Centro Sul - 121,8 (61,5%)
Leste - 125,4 (63,3%)
Nordeste - 130,4 (65,9%)
Noroeste - 143,4 (72,4%)
Norte - 131,6 (66,5%)
Oeste - 128,6 (64,9%)
Pampulha - 119,8 (60,5%)
Venda Nova - 159,8 (80,7%)