O governo de Minas anunciou, nesta quinta-feira (9), a habilitação de 118 novos leitos de terapia intensiva com recursos do Ministério da Saúde ao Estado. O valor e a previsão de entrega das vagas não foram divulgados. 

"Isso, para nós, significa um aporte de recursos para o custeio desses 118 leitos, de forma que o Estado poderá manter algum recurso para outras finalidades", informou o secretário de Estado de Saúde, Carlos Eduardo Amaral, em coletiva na Cidade Administrativa, nesta tarde. 

Ainda como parte do esforço na ampliação da capacidade de atendimento da rede pública, o gestor informou que o Estado entregou, nesta quinta-feira, 12 leitos semi-intensivos no Hospital Eduardo de Menezes, na região do Barreiro. A ampliação, segundo Amaral, foi possível após o término de uma obra que estava parada no local há 10 anos.

"São leitos de isolamento, de alta qualidade técnica. São semi-intensivos, podendo ser convertidos a leitos de UTI", informou. 

Na última sexta (3), o Estado anunciou 40 leitos para o Hospital Júlia Kubitschek, também no Barreiro, após retomada de obra parada há 6 anos.