O governo de Minas lançou, nesta terça-feira (22), um aplicativo gratuito para intermediação de mão de obra entre trabalhadores autônomos e potenciais contratantes. Pela plataforma, disponível para sistemas Android e iOS, o interessado pode negociar diretamente com o cliente.

Conforme a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese), o app Contrata MG está disponível para mais de cem profissões. A pesquisa por serviços pode ser feita de forma georreferenciada, ou seja, é possível contratar o trabalhador que está mais perto do interessado.

O app também disponibiliza a avaliação dos perfis dos autônomos, como forma de assegurar confiança e qualidade dos serviços. A ferramenta possui interface própria para os contratantes, ou seja, uma segunda versão, como forma de facilitar a comunicação e a negociação direta entre os usuários.

O aplicativo reúne, atualmente, 827 profissionais cadastrados em 41 municípios de Minas. A ocupação com o maior número de trabalhadores disponíveis é a de diarista, com 481 pessoas.

Segundo a Sedese, devido à pandemia de Covid-19, está disponível nas plataformas on-line uma cartilha de orientações (clique aqui) em relação ao assunto. O objetivo é priorizar a adequação dos prestadores de serviços e dos contratantes às regras de higiene e saúde.

De acordo com o governo de Minas, o aplicativo foi desenvolvido em parceria com a startup Crafty.