Um ex-comandante geral da Polícia Militar de Alagoas foi detido em Minas Gerais com R$ 1,5 milhão em espécie. O montante foi apreendido no Toyota Corolla em que estava com o oficial.

De acordo com a Polícia Federal Rodoviária (PRF), o veículo foi abordado na altura do Km 537 da BR-381, em Itatiaiuçu, na Grande BH. Durante fiscalização de rotina, os agentes encontraram o dinheiro no porta-malas. 

Todo o montante estava em uma mochila, mas não havia comprovante da origem da quantia. Além do ex-comandante, um subtenente reformado também estava no automóvel.

Os dois militares, além do dinheiro, foram levados para a Polícia Federal de Divinópolis, na região Centro-Oeste do Estado. A reportagem do Hoje em Dia não conseguiu falar com a Polícia Federal para comentar sobre a investigação.

Mas, ao portal de notícias G1, o delegado Daniel Souza revelou que os ex-policiais não estavam armados e afirmaram que o dinheiro seria utilizado para realizar uma transação envolvendo um imóvel em São Paulo.

O advogado dos militares compareceu à delegacia para acompanhar a ocorrência. No decorrer do inquérito, o ex-comandante e o subtenente podem ser indiciados por lavagem de dinheiro.