O ex-prefeito de Taiobeiras, no norte de Minas Gerais, Joel da Cruz Santos, foi preso em uma de suas fazendas na cidade de Curionópolis, zona rural de Parauapebas, no Pará. Ele é suspeito de abuso sexual contra crianças e adolescentes e estava foragido desde outubro de 2015, quando foi expedido um mandado de prisão preventiva contra ele.

A Polícia Civil encontrou Joel na última quinta-feira (31). Até o momento, sete vítimas foram identificadas. De acordo com as investigações da corporação, o ex-prefeito oferecia dinheiro para crianças e adolescentes em troca de relações sexuais. Em alguns casos, as próprias mães dos jovens teriam participado do esquema, levandos os filhos para a casa do político, onde eram obrigadas a fazer sexo em troca de pagamento.

Duas mulheres também foram presas por envolvimentos nos crimes.