Quem visitou a Feira de Artes, Artesanato e Produtores de Variedades de Belo Horizonte, a Feira Hippie, teve a oportunidade de participar da campanha de conscientização de luta contra a Aids, desenvolvida pela Secretaria Municipal de Saúde (SMSA). O objetivo foi chamar a atenção para os riscos de contaminação pelo vírus do HIV. O dia de Luta contra a Aids é comemorado no dia 1º de dezembro em todo o mundo.

Aproveitando o passeio, o comerciante Kemell Pinto, de 47 anos, fez questão de parar e participar da campanha com o filho, o estudante João Vitor Dias, de 16 anos. “Sempre conversamos a respeito de uma vida sexual segura e responsável. Esse é o papel fundamental das famílias, instruir os jovens, discutir sobre o assunto e quebrar tabus e preconceitos”, explicou.

A aposentada Maria Pereira, de 83 anos, fez questão de pegar um pacote com várias camisinhas para os vinte netos. “A prevenção e a preocupação de um sexo seguro é de todas as gerações. Instruí meus filhos e agora é a vez dos netos”, conta.

NÚMEROS

Dados da SMSA mostram que, a cada ano, a capital registra 550 novos casos de contaminação por HIV. Segundo o órgão, a situação na capital é considerada estável. “Mas ainda é preocupante, se consideramos que grande parte desses infectados são homens e jovens”, destaca a infectologista, referência técnica em saúde sexual da SMSA, Tatiani Fereguetti.