Dois brasileiros deportados dos Estados Unidos e procurados pela INTERPOL foram detidos no Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins, na Grande BH, na manhã desta quarta-feira (17).

Um deles, preso em Hyannis, havia se apropriado indevidamente de valores de diversas contas conrrentes da Agência Intendente Câmara em Ipatinga, no Vale do aço, aproveitando-se do exercício como caixa executivo da Caixa Econômica Federal. ele chegou a ser condenado pela Justiça brasileira a cumprir quatro anos e oito meses de reclusão pelo crime de peculato.

O segundo foi preso em Revere e deverá cumprir três anos de reclusão pelo crime de porte ilegal de arma de fogo, por ter sido flagrado, em fevereiro de 2006, por policiais, portando uma pistola “765”, com numeração raspada, na cidade de Governador Valadares, também no Vale do Aço.

Os suspeitos foram capturados pela Immigration and Customs Enforcement´s (ICE), por terem infracionado as leis migratórias estadunidenses. Eles ficaram sob custória na cadeia da cidade de North Dartmouth, em Massachussets.

Os presos serão encaminhados ao Complexo Penitenciário Nelson Hungria, em Contagem, onde permanecerão à disposição do Juiz Federal da 1ª Vara de Ipatinga e do Juiz de Direito da 1ª Vara Criminal de Governador Valadares.