Funcionária dos Correios suspeita de assaltar local de trabalho é presa em BH

Hoje em Dia
27/02/2014 às 14:03.
Atualizado em 20/11/2021 às 16:19

  Uma das funcionárias de agência dos Correios do bairro Floresta, na região Leste de Belo Horizonte, foi presa nesta quinta-feira (27). Pávila Rungue Gonçalves Duarte, de 26 anos, é suspeita de assaltar o próprio local de trabalho, que fica na rua Dom Pedro II.   De acordo com a Polícia Civil, a funcionária também está envolvida em assaltos a outras agências dos Correios da capital mineira e não costumava agir sozinha. Os comparsas da funcionária, Guilherme Augusto Cirino, de 19 anos, Rodrigo Luiz Pereira, de 25, e Fernando Braga Souza, de 27, também foram detidos. "Ela teve atuação importante no roubo ocorrido no estabelecimento há poucos dias e está envolvida em assaltos a outras agências dos Correios. A suspeita, inclusive, responde por dois processos administrativos na empresa por desvio de verba", disse Gislaine Rios, delegada responsável pelas investigações.   Segundo a policial, assim que a relação de Pávila com os roubos foi descoberta, a Polícia Federal foi acionada. “Hoje estamos trabalhando de forma integrada, por meio do compartilhamento de informações e elementos de provas.”   A funcionária e comparsa também têm envolvimento com o tráfico de drogas e roubos a residências.   Com o quarteto, foi apreendido um carro, duas motocicletas, uma televisão, 10 pinos de cocaína, anotações sobre a venda de entorpecentes e aproximadamente R$ 10 mil em espécie.   Moto clonada   Durante o cumprimento de mandado de busca e apreensão referentes à funcionária dos Correios e comparsas, Marco Antônio Mendes de Almeida, de 29 anos, foi autuado em flagrante delito por portar uma motocicleta clonada. Porém, ele não tem qualquer ligação com os assaltos em agência dos Correios.

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por