Governo anuncia retomada de obras no Hospital Regional de Governador Valadares

Cinthya Oliveira
cioliveira@hojeemdia.com.br
16/04/2020 às 14:13.
Atualizado em 27/10/2021 às 03:17
 (Leonardo Morais)

(Leonardo Morais)

As obras do Hospital Regional de Governador Valadares, no Vale do Rio Doce, serão retomadas após cinco anos de paralisação. A decisão foi anunciada pelo governador Romeu Zema durante videoconferência realizada com deputados federais e estaduais nesta quarta-feira (15).

As obras serão financiadas com R$ 78 milhões da Fundação Renova, entidade criada para gerir ações de reparação referentes à tragédia em Mariana, ocorrida em 2015. A fundação se comprometeu entregar o hospital pronto e equipado, com 220 leitos, no primeiro trimestre de 2022.

O secretário de Estado de Saúde, Carlos Eduardo Amaral, ressaltou que parte da estrutura pode ser usada antes mesmo da construção completa.“Vamos começar a estudar qual será a vocação do hospital, tanto de uma forma geral para o futuro da região, quanto para o próximo inverno, quando ainda podemos ter casos de Covid-19. Esperamos que, daqui a um ano, ele já tenha condições de receber alguns leitos. Vamos realizar os estudos de gerenciamento, financiamento, características de leito e objetivos dentro da rede”, explicou.

As obras do hospital tiveram início em 2013, mas foram paralisadas em 2015 para revisão do projeto. A previsão, na época, era que seu funcionamento fosse iniciado em 2016. O objetivo é que ele possa atender a demandas de saúde de mais de 80 municípios do entorno de Valadares.

Mariana

A Fundação Renova também retomou nesta semana as intervenções de reforma e ampliação do Centro de Atenção Psicossocial Infantojuvenil (CAPSij) de Mariana, localizado no centro histórico da cidade. A decisão faz parte de um acordo firmado com a Prefeitura Municipal de Mariana a fim de reforçar o sistema público de saúde, em caráter de urgência, nas ações relacionadas ao Covid-19.

O rompimento da barragem de Fundão, em Mariana, provocou a morte de 18 pessoas e um desastre ambiental ao longo de toda bacia do rio Doce, até o litoral do Espírito Santo. 

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por