Belo Horizonte vai receber mais oito pacientes com Covid-19 de Coromandel, no Triângulo Mineiro. Eles serão transferidos para o Hospital Júlia Kubistchek.

Os leitos foram disponibilizados para tentar desafogar a rede de saúde da cidade, que registrou uma explosão de casos nos últimos dias. 

Ao todo, 16 pacientes do município foram transferidos para a capital mineira para tratamento contra a Covid-19, sendo 15 deles atendidos no Hospital Eduardo de Menezes e um no Hospital Júlia Kubitschek, ambos da Rede Fhemig.

Neste domingo, dois pacientes chegaram à capital para serem internados no Hospital Eduardo de Menezes, na região do Barreiro. Eles vieram em uma UTI aeromédica acompanhados por uma equipe do Samu.

A expectativa, de acordo com a Central de Regulação da Secretaria de Estado da Saúde (SES), é a de que mais um paciente vindo de Coromandel e outro de Monte Carmelo sejam transferidos para estes dois hospitais de referência na capital mineira ainda neste domingo (21/2). 

Além destes traslados, três pacientes que estavam no hospital de Coromandel foram levados para Uberaba em avião operado pela Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG).

“Estamos acompanhando de perto a situação no Triângulo do Norte e em toda Minas Gerais para tomar as medidas necessárias com a máxima urgência”, enfatizou o secretário de Estado de Saúde de Minas Gerais, Carlos Eduardo Amaral, que esteve em Coromandel e Uberlândia, na última semana, acompanhado de uma força-tarefa especial.

Recursos para o Triângulo
O governo de Minas enviou ao pronto-socorro de Coromandel medicamentos de apoio no manejo de pacientes: 500 ampolas de fentanil, 300 ampolas de midazolam, 20 ampolas de Rocurônio, cem aventais, 50 unidades de máscara N95 e cem toucas cirúrgicas. Serão encaminhadas, ainda, outras 177.800 máscaras cirúrgicas para todos os municípios do Triângulo do Norte.

Desde o início da pandemia, em fevereiro de 2020, já foram direcionados à macrorregião ventiladores invasivos (39), BIPAP (8), monitores (6), cardioversores (11), ventiladores de transporte (7), monitores de transporte (7) e “kits intubação” (20.817).