Dois homens, de 22 e 29 anos, e duas mulheres, de 25 e 29 anos, foram detidos após uma operação contra o tráfico de drogas no bairro Ouro Preto, na Pampulha, e no Centro de Belo Horizonte, na madrugada desta quarta-feira (20). Com o grupo, foi encontrado e apreendido mais de 400 mil reais em dinheiro, além de diversos tipos de drogas.

De acordo com a Polícia Militar, o caso teve início por volta de 00h45, após uma denúncia anônima relatar que jovens estariam guardando entorpecentes, em grande quantidade, no Ouro Preto. Segundo o denunciante, o grupo atuaria em festas universitárias, gerenciando pontos de entrega e coleta dos itens, e com ramificações no Edifício Maletta, conhecido prédio do Centro de BH. A venda seria organizada por meio de aplicativos de celular.

Os militares da Rotam, com apoio da equipe de inteligência da PM, levantaram mais informações preliminarmente sobre o caso e foram ao endereço citado como sendo de moradia de parte do grupo. Ao chegar o local, o jovem de 22 anos apresentou nervosismo. Na residência estavam duas mulheres, sendo uma a namorada do suspeito e uma amiga, responsável pelo contrato de aluguel do apartamento. Os três foram detidos.

Os agentes fizeram uma varredura no apartamento e localizaram três embalagens de ecstasy, 15 tabletes de haxixe, 14 comprimidos de ecstasy, quatro porções de maconha, mil micropontos de LSD, além de R$ 403.860 em dinheiro. Também foram apreendidos quatro telefones celulares, três balanças de precisão e adesivos usados para a identificação das drogas. Um veículo VW Fox branco, de propriedade do jovem, também foi localizado e recolhido. 

À PM, o suspeito afirmou que trabalha para uma pessoa de São Paulo e que recebia R$ 4 mil por mês para essa atividade de entrega das drogas. Ele ainda informou à polícia que uma quarta pessoa faria parte do grupo. Os agentes foram à residência do citado, no edifício Maletta, e localizaram o jovem, que tinha três passagens policiais, incluindo por tráfico de drogas.

Ao ser abordado, o homem de 30 anos negou participar do grupo. Após uma varredura, a PM encontrou, debaixo da cama, certa quantidade de maconha e LSD em uma sacola contendo várias gomas de elásticos. Ele disse ainda não vender drogas. Exaltado, o rapaz resistiu à abordagem com empurrões e precisou ser algemado. 

Os quatro detidos foram levados para a Central de Flagrantes (Ceflan) 4, no Alípio de Melo, na região da Pampulha.