Pela segunda vez, a Guarda Municipal de Belo Horizonte precisou exigir o fechamento de uma boate, na avenida Capim Branco, bairro Vista Alegre, região Oeste da cidade. 

Na noite de sexta-feira (17), a corporação já havia sido acionada após denúncia de que o local estava em funcionamento. E, na noite desse sábado (18), mais uma vez, a Guarda foi até o estabelecimento, que voltou a abrir as portas.

Na sexta, cerca de 80 pessoas estavam no local, muitas sem máscaras, e três foram encaminhadas para a delegacia por desrespeito. Já na abordagem de sábado, a boate tinha frequentadores mas, segundo a GMBH, em menor número. 

A corporação fechou o estabelecimento e autuou a casa noturna por descumprimento de decreto municipal. Segundo a assessoria da Prefeitura de Belo Horizonte, não foi recolhido o alvará de funcionamento.