O hemocentro de Belo Horizonte está funcionando até as 18h deste sábado (26) para atender a doadores de sangue do tipo O negativo. O estoque será direcionado para vítimas da tragédia de Brumadinho, na Grande BH, e outros pacientes atendidos pela rede pública de saúde. Nesta sexta-feira (25), a barragem da mina de Córrego de Feijão, de propriedade da Vale, se rompeu. Pelo menos nove pessoas morreram, mas segundo o Corpo de Bombeiros há cerca de 350 desaparecidas.

De acordo com a Fundação Hemominas, logo após o desastre foi emitido aviso para que cidadãos doassem sangue. O pedido foi atendido e, conforme a assessoria de imprensa, os estoques subiram consideravelmente. Agora, estão dentro dos níveis esperados. Porém, ainda há falta do tipo O negativo.

Diretor técnico-científico da Fundação Hemominas, Fernando Basques, o atendimento será mantido em horário normal em todas as unidades, inclusive na capital mineira, local mais procurado pelos doadores. “Temos estoque para atender a todos, inclusive às vítimas oriundas do município de Brumadinho, em decorrência do rompimento da barragem”, afirma.

Em Belo Horizonte, o hemocentro está localizado na Alameda Ezequiel Dias, 321, no bairro Santa Efigênia, região Leste.